17 de maio de 2010

Relato do parto e esclarecimentos!!

Finalmente terminei o relato!!

Sempre quis parto normal, mas cheguei as 40 semanas (pela data da última menstruação), e desde há 38 semana estava com 1 cm de dilatação e o Bryan não estava encaixado. Sendo assim o médico decidiu pela cesárea, que foi marcada para o dia 19/04.
Então acordei as 8:00 da manhã do dia 19/04, e mal podia conter o nervosismo e a ansiedade, pois em breve eu ia conhecer meu anjinho...
Maridão também acordou, tomou o café longe de mim (pois eu estava em jejum desde o dia anterior e morrendo de fome..rsrs)

Tomei um banho daqueles bem demorados, e curti o que seria o último dia com o barrigão! Sentia-me muito feliz e ao mesmo tempo com saudades de tudo o que vivi nas 40 semanas que meu anjinho esteve aqui dentro de mim!
Fomos pro hospital e ai que a novela começou, a internação demorou demais (porque antes tive que passar por outra consulta, onde constataram que a dilatação não tinha evoluído e que meu bebê estava alto e o colo do útero grosso), eu quase desmaiei de tanta fome e pressão baixa, e pra completar meu marido não pode assistir o parto, o que me deixou muito triste!

17:00: Só à tarde conseguimos a internação, eu nem preciso dizer que estava azul de fome, a pressão cada vez mais baixa e com dores que me acompanhavam desde a 37 semana.
Despedi-me do meu marido, e chorei muito...vesti a camisola,e fui pro CC.

17:25: Deitei na cama, amarraram meus braços, colocaram o soro (daí a fome passou), colocaram a sonda, e deram a anestesia (que não doeu nadinha, tomei a anestesia deitada). A única coisa desconfortável que senti foi muita náusea (mas passa rapidinho se inspirar o ar com o nariz e expirar com a boca) e muita falta de ar.

17:35: Ouvi o chorinho mais lindo do mundo. Meu príncipe nasceu com 3,442 Kg e medindo 50 cm. Teve apgar 8/9.
Me trouxeram ele para dar um beijinho, e esse foi o momento mais emocionante que vivi em toda minha vida, senti um amor imenso, inexplicável!! Logo que dei um beijinho nele ele parou de chorar...Parecia que eu estava vivendo um filme...a emoção é grande demais, no instante que você olha pro rostinho do seu filho, você não consegue parar mais de olhar, me bateu um aperto quando levaram ele pro berçário, eu não via a hora de estar com ele em tempo integral!

2:00: Não consegui dormir depois da cirurgia porque senti muita coceira (essa foi à única reação que tive depois da cirurgia)e porque queria muito ver meu filho, abraçar, cheirar, pegar no colo... a enfermeira veio me acordar pra tomar banho. Esse foi o momento mais crítico depois de tudo, porque dói bastante levantar . Mas depois do banho fiquei outra (o banho revigora muito). Ainda mais porque logo meu príncipe estaria no quarto comigo.

2:35: Trouxeram meu príncipe, ele ficou os dois dias e meio comigo no quarto no bercinho.
Eu não dormi os dois dias no hospital, pois o Bryan só dormia no meu colo, e como meu leite não desceu ele chorava muito quando sugava e não vinha nada!

O pós cirúrgico foi tranqüilo. Quando cheguei em casa não sentia dores (graças também aos remédios) somente gases (eu devia ter acreditado que falar muito após a cesárea dá gases). O único lado ruim dos remédios é que eles me deram muitas náuseas (esse foi o lado ruim do pós cirúrgico que eu havia falado, a cefalexina me deixou muito mal).
O corte cicatrizou super bem (uma dica é fazer compressa de água morna na parte acima do corte, que fica um pouco inchado, que rapidinho normaliza).
No começo como meu leite não havia descido, compramos uma lata de leite artificial e passamos a dar a ele, porque eu não queria ver meu filho chorando de fome e eu sem nada pra dar...fui criticada (e ainda sou) por essa atitude, mas o que importava era ver meu filho se alimentando.
Tudo o que falam sobre instinto de mãe é a mais pura verdade. Na hora que aparece determinada situação, o instinto fala mais alto e nós sabemos o que fazer.
A amamentação agora está a mil maravilhas (se não fosse eu ter pouco leite, e ter que complementar com leite artificial).
Falo que no inicio foi difícil, não pra causar terrorismo em nenhuma futura mamãe, eu só estou relatando o que EU passei (em relação a amamentação)!! Não quero dizer que todas as mamães irão ter problemas em amamentar, mas é bom se preparar antes (usar as conchas, a pomada, ver bastante vídeos sobre como o bebê tem que pegar no seio, ingerir bastante líquidos) porque eu achava que essa parte da amamentação estava garantida e que eu iria tirar de letra.
No inicio tive muita tristeza sim, não com meu filho, jamais, ele é o maior presente que Deus me deu, mas sim porque todos falavam que eu tinha que amamentar, que era errado dar leite artificial pra um recém nascido, que eu não devia dar chupeta e etc (muitas pessoas que me visitaram diziam isso) foram essas coisas que me deixaram muito triste, porque eu não conseguia amamentar e na minha cabeça eu não era uma mãe completa. Quando olhava meu esposo dando mamadeira pra ele me sentia a pior mãe do mundo, porque meu leite não descia, porque meu mamilo não cicatrizava...enfim...mas essa foi a minha EXPERIÊNCIA, não estou querendo assustar ninguém! Eu sei que é preferível ler coisas positivas em relação a amamentação, mas esse é o relato do acontecimento dos fatos, o que aconteceu comigo!!
Depois de muito insistir , finalmente consegui (com a ajuda das benditas conchas e da pomada Memê). Amamentar é tudo de bom, é uma troca de carinho, de olhares que só nós dois temos, é um momento só nosso, é o melhor momento que estou vivendo!

Já se passaram 4 semanas com meu príncipe aqui, e a maior lição que aprendi é: Ser MÃE é viver no paraíso!! E não padecer como dizem por ai.
Ser MÃE:
É acordar as 2 da madrugada com seu filho chorando e não se importar, porque o simples fato de olhar nos olhos do seu filho é motivo de alegria.
É amamentar, mesmo que com dor, por saber que a amamentação é uma troca de amor, de carinho, de calor, é a maior demonstração de amor entre mãe e filho!
É dormir em um espaço minúsculo da cama, só pra sentir o corpinho do seu filho aconchegado a você num dia de frio.
É esquecer todos os conselhos dados e seguir o que o coração mandar.
Ser mãe é o melhor presente que Deus me deu!!
Bryan meu filho, muito obrigada, pois você me ensinou a ser mãe! Te amo


Olhar esse rostinho todos os dias, é o maior motivo da minha alegria!!


Besos a todas

18 comentários:

Um presente para nós dois disse...

Ownnnnnnnnnnnnn, que linda declaração de amor viu, seu filho no dia que ler terá muito orgulho de vc.Bjs

Mariii disse...

E ele está cada dia mais lindo jaque!!! que delícia, realmente so vivendo pra saber a emoção do parto, de ter seu bebe tao esperado nos seus braços, é incrível né? vc escreveiu o que eu senti também, parecia um filme, o mundo some e so fica vc o bebe e o maridão né?

muito bom!!!

que bom q deu tudo certo! e que bom que vc esta bem e feliz

beijos nos 2!!!

Bianca disse...

Que lindo, sorrindo... :)
Vamos em frente amiga, temos que confiar nos nossos instintos mesmo, eu já não me importo com as críticas alheias...
Ah, já experimentou tomar cházinho de erva doce? Ele estimula a produção de prolactina, é muito bom... Eu tenho tomado desde que o Arthur nasceu, sem açucar mesmo e durante o dia todo. Além de relaxar eu percebo que quando eu não tomo o chá tenho menos leite... Se é efeito placebo eu não sei, mas tem dado certo, então...
Adorei o teu relato!

Beijos!

Aline Milanez disse...

Que lindo Jacque..
Sabe, sempre vai aparecer um ou outro dando pitaco sobre as coisas.. Lembra de tudo o que vc ouviu na gravidez? Depois não seria diferente né..todo mundo sabe tudo sobre tudo, menos vc!
Faça as coisas do seu jeito, seguindo seu instinto, vc viu que está dando certo!
Força aí amiga! Volta sempre pra contar suas experiências, quem está perto de passar pelo que vc passou, agradece!!
bjs!

Rebeca disse...

Minha linda não se importe com as críticas. Cada mãe sabe o que é melhor para seu filho, e se vc achava que precisava dar LA para Bryan, foi o melhor para ele. As pessoas gostam muito de dar palpites e falar sem saber. Mas vc é uma ótima mãe e tem mesmo que seguir seu coração em tudo! Coração de mãe não se engana!

Beijocas em vc e nesse neném gostoso!

Amanda disse...

Que lindo tô aqui chorando... lindo lindo

Nat disse...

Jacque, primeiro que sorrisão liiindo! =)
e segundo, concordo com as meninas , não liga pra o que os outros falam, que geralmente são aquelas tias, mais velhas que acham que sabem tudo...
O importante é que vcs estão bem, se existem tais coisas pra complementar a alimentação não quer dizer que é errado né?

Bjus

Gisele disse...

Fico super feliz por vc ter se adaptado e agora estar tudo bem!! Muito obrigada pelas dicas! São muito importantes para nós ainda treinantes!

bjs

An@ Paul@ disse...

Ai guria, me emocionei ao ler este post!!! Sério mesmo.a lágrima veio.....fiquei me imaginando sabia? a parte + emocionante foi a hora do parto e que vc ouviu o "chorinho dele" e a outra parte emocionante tbm foi vc contando q sentia tristeza por ñ estar conseguindo amamenta-lo, mas qdo consegiu dar, que foi sua maior felicidade. esse relato foi lindo!
Fiquei triste pq seu marido não pode assistir ao parto... mas afinal, pq ele não pode???
Conte tudo, quero me emocionar + vezes ao te acompanhar tão de pertinho, vc e ao seu Bryan...
beijinhos e fica com Deus!

ღ Keka ღ disse...

Amiga que relato lindo... me emocionei só pra variar né? Pena que o maridão não conseguiu assistir né, apesar que o meu nem sabe se vai ver hihihihi tem medo de desmaiar.Amiga, o que você fez não foi nenhum erro, foi instinto viu? Não ligue pra quem critica, é muito fácil criticar agora quero ver alguem passar pelas dificuldades que vc passou e fazer diferente, voc~e tirou de letra viu! Comprei as conhcas por precaução, ingiro liquidos e sei que posso passar pelas mesmas dificuldades, mesmo assim tudo vale a pena, tudo mesmo! Você está de parabéns e amei o sorrisinho dele viu!

Priscilla disse...

Jacke..adorei ler o relato..e fikei pensando como será meu dia..
pq tb kero um parto normal..mais se não for a vontade de Deus..fico meia apreensiva com cesária..tinha medo d doer anestesia..d pontos nao cicatrizarem rapido..lendo vc fikei mais calma
obrigado..e adorei!
e o Bryan kada dia ki passa tá mais lindo!

val maria; disse...

gente, como ele mudou em quase um mês!

e ó: realmente agradeço pela sinceridade em relatar o que você passou. enqunato grávidas, temos uma idéia muito fantasiosa de como QUEREMOS que sejam as coisas e não como as coisas realmente são.

cesárea, chupeta, leite... são apenas algumas das muitas coisas que vão acontecer na vida do bryan. ser mãe vai além disso. e sua presença pra ele é tão superior à opinião de outros (por mais que doa escutar) que é melhor nem dar resposta. você é mãe, você sabe. e mesmo quando errar durante a vida dele, será tentando acertar ao máximo.

mil beijos!

Ana Paula disse...

Oi Jacke, lindo o depoimento. Não se sinta menos mãe por não conseguir amamentar seu filho como gostaria! Ser mãe é muito mais que isso e só quem é mãe entende isso! Parabéns, seu filho é lindo e saudável, é isso que importa!
Obrigada pelo comentário no meu blog sobre a casinha! Volte sempre!
Bjos

Taly Watanabe disse...

Nossa Jaque, sem palavras, lindo, lindo, lindooo...
A maneira que vc descreve é unica..que pena o papai não pode ver o parto, mas justuficaram o pq?
O importante que foi tudo bem...e seu Bryan esta cada dia mais lindo..tb tanto amor né?
PARABENS vcs estão lindos

Guto Hilst disse...

Ola Jacque,
Legal ter comentado!!
A maquina é uma maravilha, ela é eletrica sim, custa mais ou menos uns 600 reais, porem conseguimos aluga-la por 80 reais/mes!! Ela é uma maquina suiça, vc regula a quantidade de leite que quer tirar, e como ela funciona a vácuo, o leite sai com bastante pressão, bem melhor que a manual, pois é bem mais rápida!!!
O nome da maquina é MEDELA!!! Naum acho q compense comprar, o certo seria vc tentar achar alguma pra alugar, agora c pensa em dar um imraoziho ou irmazinha pro Bryan seria uma boa idéia..rsrs
Boa sorte e apareça!!!
Bjus

Mamãe do Pedro Henrique disse...

tbm to seguinfo eu blog, adorei ele!
seu bebe é muuuito fofo.
Não bejo a hora de ter o meu em meus braços !
beijão.

Cheilinha disse...

Kii relato lindo flor...
Engraçado....eu tbm tive muita coceira no rosto enquanto fiquei na sala de recuperação, depois q subi pro quarto e tomei banho passou.
Bryan tah lindão e muito fofo.
Bjinhos.

Mamãe do Pedro Henrique disse...

Oiiii, me diz uma coisa? tua cesaria foia laser? como foi?
To cheia de duvidas, lá na maternidade que vou ter meu bebe, as cirugias são laser, todos dizem que a cicatrização é bem mais rapida, mais ainda não encontrei ninguem que fez cesaria a laser, por isso queria saber.

Contando...

 

Blog Template by BloggerCandy.com