6 de junho de 2012

E como o Bryan lidou com a notícia?

Aqui em casa estamos todos baita resfriados. O que serviu para o Bryan ficar amuadinho e super manhoso esses dias. Não sei se isso tudo coincidiu com a descoberta da gravidez, ou se é o famoso terrible two, o verdadeiro culpado de tudo, mas os dias especialmente as madrugadas tem sido tenebrosos.
Quando descobri a gravidez (vou fazer um post ainda contando sobre isso), o Bruno logo pegou o Bryan e falou: você vai ser o irmão mais velho. Óbvio que o bichinho olhou com aquela carinha assustada e repetiu a palavra: irmão.
Depois ele veio beijar minha barriga, e a simples menção ao bebê ou a barriga, ele corre para dar um beijinho coisamaislindademãe.
But, após alguns dias o Bryan mudou da água para o vinho. Passou a pedir colo com frequência, se jogar no chão fazendo manha, e acordar de madrugada. Não, você não leu errado, Bryan regrediu e passou a acordar de madrugada chorando e pedindo colo. Não adianta estar na poltrona ou deitada no sofá, ele quer colo em pé! E ai de mim se recusar. Ele abre o berreiro, e eu já tentei deixá-lo chorando, mas ele não para.

Tem sido difícil. Minha coluna não é mais a mesma, e com o resfriado tenho sentido muita dor no corpo e de cabeça, agora imagina acordar às 4:00 da madruga para embalar uma criança de 13Kg?
Não deu outra, comecei a sentir cólicas, mas como não tenho sangramentos estou tranquila ainda.
Ontem completei 7 semanas e os sintomas sumiram. Nada de enjôo (graças a Deus), nem muito cansaço (alguém tem que limpar a casa néan?), mas o sono tem me dominado. Para piorar tudo, Bryan às vezes se recusa a dormir de tarde. Tem dormido lá pelas 16:00, quando antes às 14:00 já estava com sono.
Não sei vocês mamães de crianças com 2 anos, mas esta fase está sendo a "peor". Pior no sentido que eu suponho que ele entenda tudo que eu falo, mas resolve me ignorar.
Aonde eu errei, não sei, mas sinto que fracassei em alguma etapa. Quando ele fica nervoso me chuta e se eu der mole ele me bate de mão aberta. Eu tento falar com carinho e paciência, mas sabe quando a criança finge que nem escuta?
Eu só espero que essa fase terrível passe logo. Quero meu bebê carinhoso e dorminhoco de volta. Não aguento mais acordar de madrugada chorando junto com ele, pensando onde eu errei.
bjos

13 comentários:

Lais Azevedo disse...

Estamos na mesma, com a diferença que eu não estou grávida e não sei o que faria se estivesse, lembro que dá um sonoooo rs Mas o terrible two chegou por aqui com vontade. Birras, tapas, choros sem lágrimas na hora dos dramas (eu falo que o Douglas é um ótimo ator hahaha). Mas preocupa não, faz parte, passa, é fase. Sei que parece clichê dizer isso, mas o pior (ou melhor) é que é verdade. Até as acordadas de madrugada vão embora do mesmo jeito que voltaram. Às vezes pode ser pesadelo, ainda mais se ele andou doentinho. O Douglas sempre acaba acordando chorando de madrugada quando fica dodói.
O segredo é: paciência! Muuuita paciência...

Mamãe Cláudia disse...

Ai amiga, que tristeza...
Graças a Deus, acordar de madrugada ainda não faz parte do terrible two aqui em casa...
Tirando isso, as manhas, birras, mordidas entre outros, já estão por aqui...
O bom da história, pelo menos é o que dizem, é que isso passa, do mesmo jeito que veio!!!
Esperemos.... risos...

Patricia Charleaux disse...

Jacque lembro-me que quando o João tinha 2 anos passamos por esta fase das birras, ele fazia a gente passar vergonha, no shopping uma vez ele gritou tanto e chorou jogou as coisas da mesa no chão, foi uma época difícil mas passa, agora ele é outro, uma boa cça, claro que tem horas que chora e quer atenção, mas é bem diferente.Tenha pasciência e não deixe que nada tire a felicidade que vc está sentindo na sua 2ª gravidez. Bjs

Deninha Costa disse...

Sei bem como é isso...não estou gravida,mas meus filhos estam assim,me tirando a paciência!fazem birra por tudo,chora pra consegui o q quer.não vejo a hora dessa fase passar.
obs;Tá rolando um sorteio no meu blog,vai lá e participa.
beijos.

Camila disse...

Jac, é os terrible two mesmo. É tudo fase. Só acho que vc tem que ser firme nessa hora em que ele te bate! Criança batendo na mãe eu acho inaceitável.

E pega leve com o peso, viu? Eu tive um descolamento do saco gestacional com 8 semanas e sem nenhum sangramento! Só sentia cólicas, mas nenhum sangue! Só descobri porque coincidiu de ser bem na época da primeira eco que eu tinha marcado!

Vivian disse...

Jacque, vc nao errou em nada. è apenas o terrible two que chegou. Gá que é super calmo, passou por essa fase e me fez chorar várias vezes pq havia perdido a paciência com ele. Mas juro q passa e passa rapidinho, fica tranquila. Gá está numa fase maravilhosa e nao me dá um pingo de trabalho mais!
bjo e se cuida hein! Cuidado com esses pesos extras...

Luiza Navarro disse...

Ain amiga, fico com uma dò de ti...Rafaella com 10 meses pesa 10 kilos, e minha coluna fica na misèria imagino vc gravida, tendo q levantar 13 kilitos, madre mia!rs
Mas deve ser fase msm, espero q esse rebuliço do Bryyen acordar nas madrugadas passe, e sobre o sono , menina..me pergunto quando sera q minha bichinha vai dormir a noite toda....aiaiaiii....

Luiza Navarro disse...

ahh, miga, sou a Luly, meu novo blog è esse aqui ô:
http://umdiario-someu.blogspot.com/

Thais Bessa disse...

Vixe Jacque, por isso eh que eu tenho medo da diferenca de idade de 2 anos e vou deixar pra 3 ou 4.

O terrible twos eh complicado mesmo, gracas a Deus da Bebella veio um tanto antes dos 2 anos e por vir mais cedo passou mais cedo. Te adianto que a fase depois do terrible twos eh maravilhosa! Mas realmente encarar essafase de birras gravida deve ser dificil. Quando ele acordar a noite o Bruno nao pode pegar ele no colo em vez de vc, pra nao pegar peso?

Sobre as birras aqui sempre fomos firmes desde o comeco. Cantinho da disciplina feito sem excecao desde 1 ano de idade. Bebella tentou bater umas raras vezes e depois do castigo nunca mais tentou. Acho que tem que corrigir todas as vezes mesmo, porque ja pensou se ele tenta bater no bebe?

Bjos

Di disse...

Terrible two, sem duvida! Estamos passando por isso tb. Aqui eu deixo a Rebeca de castigo se ela faz alguma coisa muito ruim, tipo tentar me bater, mostrar a lingua, me afrontar mesmo. Dois minutos - que pel que li é isso, 1 minuto pra cada ano de vida da criança - e tiro algo que ela gosta, tipo a barbie, coisa assim, durante o mesmo periodo. Depois espero ela se aclamar, explico por que fiz isso e combino com ela como ela deve se portar pra não ter novamente o castigo. Funciona na grande maioria das vezes. Ta, ela faz de novo mas e outro dia, outro momento.
Com o negocio de dormir menos eu abandonei as sonecas do dia - a não ser que vamos sair a noite - e coloco pra dormir mais cedo de noite mesmo. Ela tem acordado de madrugada, e o negocio tem sido distrair ela um pouco, achar uma posição confortavel pra embalar (eu sento no sofa) e ter paciencia mesmo.
Dizem que depois dos 3 anos passa. Tomara né?
A escolinha tb ajuda muito a gastar a energia. recomendo.
Bjs
DI

Dayane disse...

jacque, você nao errou em nada não. É fase, mais uma das milhares que passamos com esses pequenos. Muita paciência e firmeza e as coisas se ajeitam.
Beijos

Ártemis disse...

Jacque, como outras meninas já disseram, são os terrible two. O bom é que é uma fase. E passa (dizem e eu acredito!). O ruim é que você está enfrentando os terríveis dois (anos do Bryan) e o terrível primeiro trimestre (da gravidez).
Força e venha desabafar com a gente porque não deve estar sendo fácil. E procure pensar que você está gerando uma das pessoas mais especiais da vida do Bryan.
=)

bjs

Marieeetaaa disse...

caramba jaque, senti os mesmo sentimentos hehehehe
vamos ter nossos bebes com quase a msm diferença dos primeiros né?
reativei meu blog beijosssss

Contando...

 

Blog Template by BloggerCandy.com