19 de novembro de 2012

Bryan trollando o book gestante.

Fiquei longos dias sem poder acessar meu note, porque o carregador tinha pifado, e só no sábado meu marido comprou um carregador novo. A semana foi recheada de coisas boas, a primeira delas, lógico que foi a chegada do maridão. Dia 15 acordei com ele chegando quase às 10:00, e foi uma emoção muito grande vê-lo novamente após 20 dias longe. Bryan acordou junto comigo, sem desconfiar de nada, e quando ele sentou no sofá e ouviu o barulho da chave na porta, eu falei: - Vai ver quem é filho. Ele olhou pra porta (que é de vidro), apontou e falou todo empolgado: - É o gan gan. Meu esposo e eu morremos de rir, porque a primeira coisa que ele associou a chegada do pai foi o bendito celular rs Parecia até que ele estava com mais saudades do celular do que do pai, mas não demorou muito para ele ficar agarrado que nem carrapato com o pai. Com esse grude todo, pude aproveitar e colocar o descanso em dia. Fazia tempos que eu não sentava e coloca as pernas pro ar, e foi muito bom ter o marido em casa, e aproveitar e comer a comidinha dele, que eu estava com muitas saudades.

 Quinta, sexta e sábado passaram voando. Choveu o tempo inteiro,e por isso adiamos o book pro dia 18 (domingo). Amanheceu bem nublado, mas eu fui confiante e partimos para a praia vermelha na Urca, e advinha como o tempo ficou?? fez o maior sol, tanto que estou toda ardida nos ombros e rosto (a cabeçuda esqueceu de levar protetor solar, achando que não faria sol). Meu maior medo era o Bryan ficar com nojinho da areia, já que quando ele tinha 1 ano o levamos para caminhar na praia, e ele chorou muito ao entrar em contato com a areia. E imagina a surpresa ao ver meu pequeno caminhar pela praia, todo empolgadão, doido para se jogar no mar? Ele amou a praia (esse é carioca mesmo rs), e ainda tinha um parquinho que ele se divertiu com o pai no balanço. Os fotógrafos foram uns amores. Nos deixaram super a vontade, e nenhuma foto saiu posada. Ficaram todas espontâneas, que era o que eu mais queria. A paisagem também ajudou né: tivemos a vista privilegiada do Pão de Açucar. Fui logo avisando que eu e meu marido somos as pessoas mais não-fotogênicas do mundo, mas eles garantiram que não seria problema, e realmente não foi. A parte hilária ficou por conta do Bryan trollando o book. Primeiro que ele não queria ficar quieto de jeito nenhum. Fez muita falta levar alguém para ficar de olho nele, enquanto fazíamos as fotos só minha e do meu esposo. Toda hora ele corria pro mar, sem contar que ficava chutando areia em mim, nos fotógrafos, e em quem estivesse pela frente. Fazê-lo beijar a barriga foi um custo. Ele beijava bem rapidinho, e a sorte era que eram duas câmeras para dar conta dos clicks. Algumas trollagens do irmão mais velho da Bela:

Dois bebezinhos: 
Teve um momento que a fotógrafa pediu para sentarmos os três nos degraus da escada, com o Bryan no meio colocando a mão na minha barriga, só que Bryan colocou uma mão na barriga do Bruno e a outra na minha e ficou falando:- Dois bebês.

O delicado:
Tirei uma florzinha e falei pro Bryan me entregar, assim que ele pegou jogou no meu colo. Morri de rir com a delicadeza do menino.

Nada de beijo:
A fotógrafa pediu para eu e meu esposo beijarmos o Bryan na bochecha ao mesmo tempo, quando ele ouviu, nos afastou e falou: - Nanananão, nada de beijo.

Barganha:
Os olhos do Bryan estavam sempre voltados para o mar, mas tinha uma hora que eu estava sentada em uma pedra, com ele olhando para trás, e para fazê-lo olhar na direção dos fotógrafos tive que improvisar: - Filho, olha ali o bob esponja. Ele ficou procurando e falou: - Cadê o ponja "quadada"?

Eu fiquei muito feliz com a sessão, e até o maridón que não curte muito tirar fotos se amarrou e passou o tempo todo agradecendo por eu ter escolhido a praia para fazer as fotos. Andei muito pela areia, e senti muitas contrações de BH, algumas bem doloridas, por conta das estripulias de subir em pedras e pular sem ajuda. Bela mexia que era uma beleza, que eu pensei que ela queria nascer ali mesmo. Foi bem melhor ter feito o ensaio com 31 semanas. Se eu tivesse deixado para dezembro, com certeza ficaria encalhada na areia.
Estou super ansiosa para ver as fotos, e assim que sair a prévia eu posto aqui.
Como tudo que é bom dura pouco, no domingo mesmo a noite marido viajou, e ficou só saudades dos momentos maravilhosos do nosso feriadão. Bryan chorou um pouco quando acordou, mas acabou entendendo que o pai foi trabalhar e se acostumou. Agora só dia 21 de dezembro para matar as saudades.

7 comentários:

Juh** disse...

Ai que delicia, estou ansiosa para ver as fotos!
Não sei como você consegue ficar longe do marido, posso imaginar a saudade! Ainda mais grávida, deve triplicar.
E a Bela está quase chegando hein? Como a gravidez dos outros passa rápido hahaha.

Beijocas

Lu Navarro disse...

ain amiga q delicia de feriadao mesmo.. e ri tanto do Bryan,, hahaha, de ter vontade de chorar de tanto rir das peripecias dele na praia.kkkk.
Estou super ansiosa pra ver as fotos, devem ter ficado liiindas!
bjs nos quatro!!!

jo nascimento disse...

Que delícia de fim de semana, estou ansiosa para ver as fotos devem ter ficado lindas!beijinhos

Ivna Pinna disse...

hahahha
Morri de ir do Bryan. Estava espoleta mesmo!
E que bom poder estar com o maridão heim!
Fiquei curiosa pra ver as fotos!

Beijos

Grauce disse...

Jack, eu conheço a Praia Vermelha, meu pai trabalha no IME.

To louca pra ver suas fotos, porque sei que o lugar é LINDO!

Meriene Zamprogno disse...

Ah, to loca pra ver suas fotos!!
Menino peralta huahuahua mas criança é assim mesmo viu, tirar foto é um desafio!!

Bia disse...

Fiquei louca para ver as fotos! vou ver se te acho no face, ando meio preguiçosa de comentar aqui :) beijos

Contando...

 

Blog Template by BloggerCandy.com