15 de junho de 2011

Das conversas no consultório...

Antes da maternidade eu pensava já ter discutido e conversado sobre todos os assuntos possiveis.
Desde a adolescência sempre curti ler jornal, não só para ficar informada, mas eu queria saber mais de política, economia e outros assuntos que muitos consideram um porre, só para o caso de alguma eventualidade, alguém perguntar quem era o presidente da Coréia (nunca se sabe quando a Coréia vai entrar no assunto).Na minha primeira entrevista de emprego, de cara o dono da loja me perguntou quando valia o dólar em reais (não sei que serventia teria essa informação,se eu estava  concorrendo para o cargo de vendedora, mas OK) e eu respondi prontamente e sai de lá felizinha da vida (e conquistei a vaga).

Nas rodinhas que se formavam na facul, o assunto era outro (proibido para menores de 18), mas foi só eu ficar grávida, que pronto...BUM...eu me tornei uma matraca de primeira.Sempre fui tímida para puxar assunto e fazer amizades, mas era só alguem puxar conversa que eu me soltava, e depois da maternidade ficou pior ainda.
Dos assuntos de bomba atômica para cocô atômico, eu virei uma espécie de "guru da maternidade", só pode, todas as vezes em que estou na sala de espera do consultório, ou do hospital, sempre surge uma mãe e puxa assunto comigo, e essa mãe sempre tem o filho mais novo e vem me pedir dicas! Daí começamos a falar sobre os kilos ganhos na gravidez, quantos kilos perdemos para a amamentação, contar as proezas dos nossos filhos, falar sobre o peso e altura deles, o parto, a recuperação, o sono do bebê e etc. E eu me sinto um poço de conhecimento nessas horas, pois posso dizer que tenho certa "experiência" no ramo. Tem coisas que nem todo livro ensina, e as vezes até gravidinhas vem me perguntar como é a "realidade" da vida pós bebê.

Pois bem, e estamos eu e mais 2 mães no bate papo do consultório, e eis que surge uma terceira mãe se posicionando no trocador para trocar seu baby, que devia ter no máximo 3 meses, como minha cadeira ficava perto do trocador ela virou pra mim, e perguntou se eu podia dar uma "analisada" na caquinha do filho dela. E é claro que fui, ajudar nunca é demais, me sentindo uma "perita" em análises fecais, dei o veredito: com certeza é diarréia. Bem segura do meu veredito final, alias, eu já vi muita caquinha nesses quase 14 meses como mãe (fora os anos que fui berçarista) que foram uma experiência e tanto. Daí a mãe feliz da vida, me pediu para analisar melhor, digamos uma análise do cheirinho do trabalhinho feito pelo baby dela, e lá fui eu prontamente dizer que dava pra sentir dali onde eu estava e que estava normal (se é que aquilo pode ser considerado como normal). Após a minha análise digna de um CSI, a mãe ainda veio me perguntar sobre gofadas de neném, se a limpeza do pênis estava correta, se o remédio para cólica era bom, e o papo foi fluindo (detalhe, eu estava comendo um cachorro quente na hora) de uma maneira que eu jamais imaginava. É, a maternidade nos muda.

21 comentários:

Alethéa disse...

E como muda! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!

francieleGalantine disse...

Kkkkkkk, adorei, amiga vc viu como meu João é lindo??? E eu achando que o Bryan ia ser meu genro..kkkkkk, beijocas

mandy chaves disse...

e tem como piorar viu? qdo se é mae de 2 tem ainda mais aassunto pra falar kkkkkkk

bjossssss

Gabriela Crivelaro Costa Pires disse...

kkkkk!!!

Mas é bom que vc desperta essa confiança nas mamães e ajuda elas né!

Beijokas

Ju Silva Alves disse...

Não vejo a hora de poder entrar nesse mundinho de mamães para poder ter dúvidas e ajudar outras maezinhas como vc está fazendo Jack.
Beijinhos Flor.

Chama a mamãe disse...

Olá,
Vim fazer uma visitinha e adoreiiiiiii. Essa é a nossa vida né amiga. Nunca imaginei que fosse achar um cocô bonito, hehe, é pq depois de uma diarréia daquelas, qd o intestino fica bom eu falo pro meu marido: ahhhhhhhh hj ela fez um cocô bonito! EHEHEHH, ele morre de rir, mas só quem é mãe entende.
Bjosssssss, vou gostar de receber sua visita no meu blog tb

Cyy disse...

Opa qq hr vo kerer me "consultar" tbm =D
bjuss

Luly disse...

kkkkkkkkkk
ai amiga, vc me fez rir tanto com esse post,
principalmente por estar comendo cachorro quente
no momento kkkkk.
Outro dia veio minha afilhada aqui em casa, ela tem 1 ano e meio, menina, fui trocar a fralda e comecei q a fazer arcadas, nao vomitei nao sei nem como!!! porque estive ai aì.
E minha irma fava risada, e se perguntava, como eu vou fazer para limpar o cocô da Rafa,rsrs.
Espero q a maternidade me mude tbm...hihihi.
bjs nossos.

Aline Milanez disse...

hahaha..isto não acontece comigo nos consultórios mas, com amigas que tem bebês mais novos! Adoro dar as dicas..acho legal quando a pessoa pede ajuda!
Como nosso assunto muda depois de sermos mães,não?! hehe
bjs!

Carol disse...

Ahahahaha demais, a gente tem cada papo depois que vira mãe. Volta e meia eu tenho que me controlar e nnao começar a falar dessas cenas críticas em todas as rodinhas de conversas!!!!!

HEIN, E O RESULTADO?????

Suzana Lira disse...

CSI perita em cakinhas é ótimmmmoo rsrsrsrs

Mamãe Cláudia disse...

Que consulta. risos...
Realmente... tudo muda!!! kkkkk

Rosane disse...

nossa muito legal rsrsrsrs...

Thais Bessa disse...

Hahaha, e no final vc cobrou a consulta, neam? Porque essa analise toda de gratis nao da!

Bjos

Juliana disse...

Jacque, a coisa é assim mesmo. Assunto de mae é filho e não tem jeito. Cada uma tem uma experiencia e uma dúvida. E a ultra? Vai fazer ou não?

Nave Mamãe disse...

kkkk
E depois disso ela nem consultou o pediatra, pois todas as dúvidas já haviam sido sanadas!
Beijos

Um brasileiro disse...

ola. tudo blz? passei por aqui. gostei. legal. apareça por la. abraços.

Camila Tatagiba disse...

Ai Jack... a maternidade te deixou nojenta! Eca... como se consegue comer olhando cocô??? Credo... Do Bryan eu ate entendo mas dos outros...
Bom... talvez eu vou entender isso qnd eu for mae, né? rsrs

Saudades de tu, amiga...
To tao enrolada aqui na loja. Ate do blog sumi, tu percebeu? Mas hj to visitando geral!! Vamos ver até qnd pois aqui na farmacia as coisas estao uma caixinha de surpresa e pode aparecer coisas pra fazer a qualquer momento! rsrs

Bjokas amiga

Ana Claudia de Moura Becker disse...

kkkk vou começar a te consultar quando Erikinho estiver com problemas kkk Concordo plenamente contigo pq Nunca imaginei q iria falar de puns e cáca com tanta felicidade
e a ultrass??
bjao

*Rê* disse...

eu confesso que tbm sou uma matraca, converso com todo mundo,no banco, no consultorio..em todo lugarr! rs.. quando agente vira mae muda!

An@ Paul@... Mamãe do Pietro disse...

HEHEHEHE. . . é legal nos sentirmos ajudando alguém assim né amiga, ainda mais se tratando de outra mãezinha...eu adoro poder contar as minhas experiências...

bjokas

Contando...

 

Blog Template by BloggerCandy.com